Biblioteca de SP concorre ao prêmio de melhor do mundo

Álbum da Copa invade sala de aula
25 de junho de 2018

Biblioteca de SP concorre ao prêmio de melhor do mundo

A Biblioteca de São Paulo é uma das finalistas de prêmio internacional concedido pela London Book Fair, a Feira do Livro de Londres. Concorrendo com bibliotecas do mundo todo, o espaço paulista aparece como um dos indicados em mais categorias – foram cinco indicações de um total de dezessete segmentos.

Entre as categorias estão títulos como inovação digital e melhor livraria. O destaque da Biblioteca de São Paulo está em concorrer na categoria The Library of the Year (A Biblioteca do Ano), na qual competirá com a Biblo Tøyen, da Noruega, Dokk1 da Dinamarca e a Biblioteca Nacional de Letônia.

A Feira acontecerá em Londres entre os dias 10 e 12 de abril, quando também serão revelados os ganhadores das premiações.

A história da Biblioteca de São Paulo

A Biblioteca de São Paulo ou BSP é pública e teve a sua inauguração em 2010. Seu conceito e concepção é simbólico, uma vez que está localizada onde antes ficava o extinto presídio Carandiru, na Zona Norte de São Paulo.

Um dos objetivos primários da instalação é a promoção de inclusão e de incentivo social relacionado ao apoio à literatura.

O público com o qual a BSP atua é abrangente, assim como o seu espaço físico. Em seus mais de 4.200 metros quadrados, a biblioteca atende visitantes dos círculos infantil, jovem, adulto e idoso.

Dados de 2017 mostram que são 27.514 sócios ativos, com acervo da ordem de 43.113 títulos.

Propostas de inovação

A BSP tem como proposta a de se apresentar como mais do que um local de leitura, mas sim como espaço de convivência e agitação cultural.

Com quase mil atividades culturais desenvolvidas e organizadas no ano, a BSP promove acesso à produção e expressão da literatura para a população.

No prédio de arquitetura moderna e com suporte de recursos e ferramentas tecnológicas, a BSP disponibiliza também soluções de acessibilidade e propostas inovadoras quanto à aquisição de seu acervo: no lugar das tradicionais compras do ano, a instituição realiza aquisições semanais buscando ao máximo atender os pedidos e demanda do público.

A Feira do Livro de Londres

A premiação da Feira, chamada International Excellence Awards (Prêmio de Excelência Internacional), tem mais instituições brasileiras entre as concorrentes.

A Ubook.com compete entre as editoras de audiobooks, enquanto a Fundação Dorina Nowill, o clube TAG Livros e a Editora Atheneu também representam o país em suas categorias.

Fonte: Universia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *